Sexta-feira, 01 de Junho de 2012

O Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem", em conjunto com a Autarquia de Alcanena, as Juntas de Freguesia da Louriceira, Alcanena e Bugalhos, o Centro Ciência Viva do Alviela - Carsoscópio, o Agrupamento de Escolas de Alcanena, a Luságua e o CTIC - Centro Tecnológico das Indústrias do Couro vêm desta forma enviar algumas fotos sobre o projeto "Alviela - o outro lado do rio" (Projeto Rios), e que teve as suas primeiras saídas de campo da primavera nos dias:

 

 

- 21 de maio de 2012: - nós e a EB2 Dr. Anastácio Gonçalves adotámos o troço da Nascente do Alviela

 

- 23 de maio de 2012: - nós e o JI Bugalhos + EB1 dos Filhós adotámos o troço da Azenha dos Filhós

 

- 24 de maio de 2012: - nós e a EB1 da Louriceira adotámos o troço da Ponte da Ferreira / Rib. dos Carvalhos

 

 
 

O “Alviela – o outro lado do rio” está inserido no âmbito do Projeto Rios, um projeto de importância internacional e que visa a proteção dos espaços fluviais pela comunidade local. Com este projeto nós queremos adoptar 500 m de troço do Rio Alviela, estudar a sua biodiversidade, conhecer um pouco do seu património cultural, monitorizar a qualidade da água com a ajuda de um kit e implementar uma ação de melhoria no Alviela. As saídas de campo serão feitas preferencialmente durante a primavera e o outono.

 
Quero ainda agradecer aos nossos parceiros, especialmente à Autarquia de Alcanena, ao Centro Ciência Viva do Alviela - Carsoscópio e à Luságua por todo o apoio na logística destas saídas de campo!
 
 
EB2 Dr. Anastácio Gonçalves - turmas do 5º ano da Prof. Iolanda Vieira
Adoção e monitorização da Nascente do Alviela  
EB1 da Louriceira - Prof. Beatriz Borga
Adoção e monitorização do Alviela na Ponte da Ferreira/Rib. dos Carvalhos
EB1 dos Filhós + JI dos Bugalhos - Prof. Cândida Anacleto e Ed. Mª Helena Duarte
Adoção e monitorização do Alviela na Azenha dos Filhós
publicado por Amigos da Vida Selvagem às 15:52

Terça-feira, 22 de Maio de 2012

 

Neste 1º Concurso de Fotografia: "Alviela - o outro lado do rio" que o Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem" organizou, juntamente, com os seus parceiros, tivemos 24 participantes a concurso num total de 67 fotografias! Estamos todos de Parabéns, principalmente aos fotógrafos pela excelente qualidade das fotografias!

 

 
Os prémios serão:
 
1º prémio: uma viagem de Parapente (cedida pela Secção Aventura dos Amigos da Vida Selvagem)
2º prémio: um livro de fotografia digital
3º prémio: dois bilhetes para irem visitar o Centro Ciência Viva do Alviela - Carsoscópio
1ª menção honrosa: uma participação gratuita nas nossas atividades
2ª menção honrosa: uma participação gratuita nas nossas atividades
 
De salientar que as melhores fotos serão divulgadas por nós no Chapim - revista de divulgação ambiental do Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem", na nossa página do facebook (http://www.facebook.com/AmigosVidaSelvagem)  (com os nomes dos autores) e também numa exposição em Alcanena, em data e local ainda a definir!
 
Em Baixo estão as fotos vencedoras:
1º prémio - Oscar Rodrigues

 

 

2º prémio - Marco Inverno

 

 

3º prémio - Nuno Petinga Silva

 

 

1ª menção honrosa - Paulo Semblante Mendes

   

 

 

2ª menção honrosa - Rúben Marques


 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 12:00

Sábado, 24 de Março de 2012

Vamos conhecer o Rio Alviela e limpar o lixo que encontramos nas suas margens, a pé!     

Estamos todos de Parabéns! Limpámos as margens do Rio Alviela! Mas ainda ficou algum lixo por limpar! Mas valeu o esforço e o Rio agradece! Já tem a "cara" um bocadinho mais limpa, pelo menos as margens...
 
Nós, cerca de 45 pessoas limpamos o que os outros sujaram e só por isso estamos de Parabéns! Limpamos cerca de 800 kg de lixo das suas margens... Também conhecemos recantos do Alviela que desconhecíamos, e descobrimos árvores, arbustos, ouvimos o chilrear das aves, o coachar das rãs..., sentimos o Rio Alviela! Outros, por sua vez, também descobriram um rio poluído, mas que ainda assim, preserva alguma da sua biodiversidade! Descobriram os antigos moinhos de água que alimentaram gerações de moleiros e suas famílias! Ou seja, descobrimos um Rio Alviela!
 
Por isso, acho que cumprimos com a nossa missão! Conhecemos o Rio Alviela e limpámos as suas margens! Mas ainda falta muito a fazer..., e a poluição da água..., essa é outra história! Mas julgo que vamos no bom caminho...
 
Obrigado a todos, principalmente aos nossos parceiros, que deram uma grande ajuda, não só com os transportes, mas também com o lixo!

 Vamos limpar as margens do Rio Alviela

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 09:30

Quarta-feira, 30 de Junho de 2010

 

Inscrições Esgotadas

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 18:27
tags:

Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

 


 

Vivemos num país repleto de belas paisagens mas, infelizmente, todos os dias as vemos invadidas por lixo que aí é ilegalmente depositado.

 

Partindo do relato de um projecto desenvolvido na Estónia em 2008, um grupo de amigos decidiu colocar “Mãos à Obra” e propor “Vamos limpar a floresta portuguesa num só dia”. Em poucos dias estava em marcha um movimento cívico que conta já com dezenas de milhares de voluntários registados.


Neste momento já muitas pessoas acreditam que é possível. O objectivo é juntar o maior número de voluntários e parceiros, para que todos juntos possamos, no dia 20 de Março de 2010, fazer algo de essencial por nós, por Portugal, pelo planeta, e pelo futuro dos nossos filhos.


Muito ainda há a fazer, pelo que toda a ajuda é bem vinda!


Quem quiser ajudar como voluntário só tem que consultar o sítio do projecto na internet, www.limparportugal.org, onde tem toda a informação de como o fazer.

O projecto Limpar Portugal também está aberto a parcerias com instituições e empresas, públicas e/ou privadas, que, através da cedência de meios (humanos e/ou materiais à excepção de dinheiro) estejam interessadas em dar o seu apoio ao movimento.


No dia 20 de Março de 2010, por um dia, vamos fazer parte da solução deixando de ser parte do problema.


“Limpar Portugal? Nós vamos fazê-lo! E tu? Vais ficar em casa?"

 

fonte: http://limparportugal.ning.com/

 

GRUPO ALCANENA: http://limparportugal.ning.com/group/Alcanena

 

 FOTOS DO EVENTO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 23:30
tags:

Quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2010

20 anos em prol do ambiente

 

O clube Bio-Ecológico “Amigos da Vida Selvagem” é uma Organização Não Governamental de Ambiente (ONGA), sem fins lucrativos, fundada a 15 de Março de 1989, por um grupo de jovens empenhados na preservação e protecção do património natural.
Um dos principais objectivos desta associação é alcançar a defesa do equilíbrio entre o meio natural e homem, com vista à construção de um futuro pensado e vivido numa lógica de desenvolvimento e progresso sustentado.
 

 

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 00:20

Terça-feira, 16 de Fevereiro de 2010

 
O conceito de Educação Ambiental tem tido uma assinalável evolução de significado. Actualmente, significa um equilíbrio entre o meio natural e o homem, com vista à construção de um futuro pensado e vivido numa lógica de desenvolvimento e progresso.
A Educação Ambiental é aceite, cada vez mais, como sinónimo de educação para o desenvolvimento sustentável ou de educação para a sustentabilidade.
Torna-se prioritário apostar numa educação que tenha como finalidade a formação de cidadãos "ambientalmente cultos", intervenientes e preocupados com a defesa e melhoria da qualidade do ambiente natural e humano.
Convictos desta necessidade, a associação Amigos da Vida Selvagem pretende dar continuidade ao projecto AVS, aproveitando o espírito de iniciativa de jovens, desenvolvendo actividades no âmbito da conservação da ambiental, efectuar visitas de estudo, exposições, publicações, colóquios e intercâmbio com outras associações similares.
Uma das maiores apostas desta associação tem sido a Educação Ambiental, permitindo às crianças do 1º ciclo do ensino básico adquirir novos conhecimentos e alertá-los para os problemas ambientais que os rodeiam.
Dado que a Educação Ambiental deverá constituir uma preocupação de carácter geral e permanente na implementação do processo de educação, pressupondo uma clara definição de intenções educativas e uma “ambientalização” dos conteúdos, estratégias e actividades de ensino–aprendizagem, há que salientar a importância da continuidade do projecto, porque de pequenino é que se torce o pepino.
publicado por Amigos da Vida Selvagem às 00:47

Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

AMIGOS DA VIDA SELVAGEM  


Rua Dr. Carlos Nunes Ferreira

Apartado 206

2380-064 Alcanena

Telefone: 249 891431

blog: amigosvidaselvagem.blogs.sapo.pt
Localização (39.456665, -8.662709)

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 01:04

Domingo, 14 de Fevereiro de 2010

Alcanena é uma vila portuguesa pertencente ao Distrito de Santarém, região Centro e sub-região Médio Tejo, com cerca de 4.300 habitantes. Pertencia ainda à antiga província do Ribatejo, hoje porém sem qualquer significado político-administrativo.
É sede de um município com 127,33 km² de área e 14.700 habitantes (2006), subdividido em 10 freguesias. O município é limitado a nordeste pelo município de Ourém, a este por Torres Novas, a sul e sudoeste por Santarém e a noroeste por Porto de Mós. O município foi criado em 1914 por desanexação de freguesias de Santarém e Torres Novas.
Pertencendo ao distrito de Santarém, o concelho de Alcanena, formado por dez freguesias, localiza-se na zona de transição entre o Maciço Calcário Estremenho e a Bacia Terciária do Tejo, caracterizada por solos férteis e significativos recursos hídricos. A variedade paisagística da região assenta em duas vertentes distintas: a Serra (a norte) caracterizada pelas superfícies elevadas e agrestes das Serras de Aire e Candeeiros, e o Bairro (a sul), onde se estendem as planícies, as colinas baixas e as encostas. Aqui, encaixa-se a Bacia Hidrográfica do Rio Alviela, a mais importante nascente cársica do país.
Terra de ideais republicanos, a sua história é, acima de tudo, a história dos curtumes, restando poucas dúvidas quanto à importaria decisiva desta indústria para a sua afirmação como centro populacional expressivo a partir do século XVII.

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 01:24
tags:

Sábado, 13 de Fevereiro de 2010

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 00:47


mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Clt. comentC!rios
Obrigado e igualmente!
Bom dia!parabéns pelo vosso trabalho. Bem-vindos a...
Olá bom dia!As fotografias são para enviar em supo...
Boa noite,Qual são as dimensões das fotos que vamo...
O regulamento é bastante simples, e é o que está e...
Gostava que me enviassem o regulamento do concurso...
Contador
free counters
Relógio
subscrever feeds