Quarta-feira, 18 de Dezembro de 2013

 

 

Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem" informa que durante este ano letivo, já foram realizadas três saídas de campo do "Alviela - o outro lado do rio" (Projeto Rios):


1) 25 de setembro de 2013 - troço da Nascente com a ESA (turma do 9ºE), prof. Elizabete Bairreiro e o Centro Ciência Viva do Alviela – Carsoscópio;

 

 

2) 9 de outubro de 2013 - troço da Azenha dos Filhós com a EB1 de Alcanena, turmas do 4ºG (prof. Luís Pita) e 4ºH (prof. Conceição Marrafa) e o Centro Ciência Viva do Alviela – Carsoscópio;

 

 

 

 

Notícia que os alunos escreveram:

 

1ª saída de campo do “Alviela – o outro lado do Rio (Projeto Rios)

 

Adoção do troço do rio Alviela: Azenha dos Filhós

  

 

 

No dia 9 de outubro de 2013, os alunos do 4.º ano da EB 1 de Alcanena, realizaram uma saída de campo à Azenha dos Filhós.

Foram acompanhados pelos professores das turmas, professora Conceição Marrafa e professor Luís Pita e pela bióloga Patrícia Silva, dos “Amigos da Vida Selvagem” (responsável por este projecto). A Maria João Silva do Centro Ciência Viva do Alviela também os ajudou nesta saída de campo.

 

O objetivo da visita era a adoção do troço do rio Alviela numa extensão de 500m, para proteção e limpeza do mesmo.

Os alunos observaram a paisagem em redor do rio e a água. Usaram um kit de exploração para verificar a cor da água, o odor, o ph, os nitratos, os nitritos, os carbonatos,…

 

Descobriram a fauna existente: aves: chapim real, gralha preta, garça boieira; insetos: borboleta da couve, alfaiates, mosquitos, abelhas, libelinhas… Investigaram ainda a flora junto ao rio: plantas exóticas (canas), plantas autóctones (choupos brancos, freixos, salgueiros), plantas ribeirinhas (tabua, junco, erva-carapau ou salgueirinha).

 

Os alunos puderam contemplar um moinho em ruínas: Soeirinho, que fica na margem direita, que antigamente servia para moagem e produção de energia hidráulica.

 

Em redor do rio notaram que o homem utiliza a água do rio para regar os campos, corta a vegetação ribeirinha, conta histórias sobre o mesmo, tem tradições ligadas a este, caminha perto dele e pratica desporto.

 

Fizeram ainda uma caminhada pela margem esquerda do rio, onde foram alertados para o perigo que a poluição pode causar ao meio ambiente. Após identificada pelos alunos alguma poluição, colocaram mãos à obra e recolheram o lixo existente com luvas apropriadas (garrafas e sacos de plástico, papéis, caixas de tabaco).

 

Ao longo da visita de estudo, os alunos mostraram-se muito interessados e participativos, tendo fotografado alguns dos aspetos mais interessantes do local.

 

Concluíram que todos devemos preservar a natureza e que visitas como esta são muito úteis, pois contribuem para o seu desenvolvimento intelectual e pessoal.

 

Deixaram uma sugestão para melhorar a qualidade da água do rio e o espaço envolvente: cortar as canas que existem em número elevado nas margens.

 

Estes alunos contam com a vossa ajuda para manter, não só este, mas todos os rios limpos!

 

EB1 de Alcanena, 4º ano H


 

3) 6 de novembro de 2013 – troço da Azenha do Vigário com a EB1 de Malhou, turmas: 1º e 2º ano (prof. Maria do Carmo Silveira) e 3º e 4º ano (prof. Cândida Anacleto) e o Centro Ciência Viva do Alviela – Carsoscópio.

 

 

 

Notícia que os alunos escreveram:

 

A E.B.1 de Malhou e o Projeto Rios

Saída de campo ao lugar do Vigário

 

 

      No dia seis de novembro os alunos da E.B.1 de Malhou fizeram a segunda saída de campo ao lugar do Vigário, inserida no Projeto Rios «Alviela – o –outro lado do rio», para monitorizar a qualidade da água  e observar a flora e fauna do rio Alviela.    

 

      A saída foi dinamizada pela Patrícia Silva e pela Maria João Silva da Associação dos Amigos da Vida Selvagem e pelo Centro de Ciência Viva do Alviela – Carsoscópio respetivamente, com a ajuda das professoras Cândida Anacleto e Maria do Carmo Silveira.

 

      Esta atividade deu continuidade à nossa participação num projeto internacional em que a nossa escola se ocupa do troço do Vigário, a fim de sensibilizar a população para a proteção e valorização do rio Alviela.

 

      Deste modo, podemos observar e comparar o rio e as suas margens com a visita do passado mês de junho. Verificámos que o caudal do rio aumentou, que havia ilhotas e que as margens continuaram com o mesmo tipo de vegetação mas com folhas mais secas.

 

      Assim, apreciámos uma linda garça real, o rouxinol bravo, a junca e o junco que servia para fazer os cestos, tabuas, choupo negro, salgueiros pretos e brancos, pilriteiros com frutos, canas, líquenes e musgos. Também vimos as ruínas de uma ponte muito antiga que teria sido provavelmente destruída aquando das invasões francesas. Mais ao lado, a Azenha que tanta farinha fez para a nossa região, assim como a levada, os boqueirões e o açude que faziam trabalhar a roda desse moinho de água.

 

     Ainda podemos constatar, depois de analisarmos a água que de um modo geral estava boa, sem poluição.

 

     Gostámos imenso desta saída porque aprendemos muitas coisas sobre o nosso rio. Temos que o preservar e não poluir.

 

Os alunos do 3º e 4º anos da E.B.1 de Malhou.

 

 

 

Foram já adotados 2500 metros de troço do Alviela (Nascente, Ponte da Pedra, Azenha do Vigário, Ponte da Ferreira/Rib. Carvalhos e Azenha dos Filhós), por mais de 300 pessoas.


O Clube agradece à Autarquia a disponibilização do autocarro.

 

Quem estiver interessado em participar, envie um  e-mail para: amigosvidaselvagem@sapo.pt.

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 17:02

Segunda-feira, 17 de Junho de 2013

No ano 2011/2012, no âmbito do Projeto Rios, o Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem" adotou 1500 m de troço do Alviela . Em 2012/2013 foram realizadas mais 3 saídas de campo (com dois troços novos adotados):

 

19 de outubro de 2012: - nós e a ES Alcanena adotámos o troço da Ponte da Pedra

 

- 5 de junho de 2013: - nós e a ES Alcanena adotámos o troço da Nascente do Alviela

 

- 13 de junho de 2013: - nós e a EB1 de Malhou adotámos o troço da Azenha do Vigário
 
ES Alcanena - turmas do 9º ano da Prof. Elizabete Bairreiro e Prof. Verita D' Avó
Adoção e monitorização da Ponte da Pedra
 
ES Alcanena - turmas do 9º ano da Prof. Elizabete Bairreiro 
Adoção e monitorização da Nascente do Alviela
EB1 de Malhou - turmas do 1º ao 4º ano da Prof. Cândida Anacleto e Maria do Carmo 
Adoção e monitorização da Azenha do Vigário
Queremos ainda agradecer aos nossos parceiros, especialmente à Autarquia de Alcanena, ao Centro Ciência Viva do Alviela - Carsoscópio e à Luságua por todo o apoio na logística destas saídas de campo!
publicado por Amigos da Vida Selvagem às 16:16

Segunda-feira, 13 de Maio de 2013

 

 

Estas saídas, no dia 13 de maio de 2012 e no dia 11 de maio de 2013, contaram em média com 15 "observadores de aves", inclusive muitos "observadores juniores", que juntamente com binóculos, telescópio e guias de campo puderam desfrutar das maravilhas do Alviela... Observámos cerca de 20 espécies de aves (em média), entre as quais a Águia de asa redonda (Buteo buteo), o Milhafre-preto (Milvus migrans), a Galinha-de-água (Gallinula chloropus), a Garça-real (Ardea cinera), o Goraz (Nycticorax nycticorax), etc. Para além das aves, também observamos as árvores, como os Choupos, os Amieiros, os Freixos, etc..., as borboletas das couves, a orquídea Satirião menor (Anacamptis pyramidalis), etc...

 

O nosso ponto de encontro foi na Ponte da Ferreira (Louriceira), e depois andamos um pouco junto ao rio, conversamos histórias de outros tempos, de antigamente e passamos um dia bem passado na companhia da vida selvagem!

Segue em Anexo algumas fotos desta atividade!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

P.S: Esta ação está inserida no "Alviela - o outro lado do rio (Projeto Rios)"

 

Podem ver mais fotos na nossa página do facebook: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.366455830070338.75227.100001177717339&type=3

 



 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 15:19

Segunda-feira, 25 de Março de 2013

 

Desde a ovos da Páscoa, a culinária, a jogos de desafios, passando pelos coelhinhos da Páscoa, os nossos participantes nestas Oficinas fizeram um pouco de tudo... Vejam as fotos mais abaixo:

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 15:39

Quarta-feira, 20 de Março de 2013

 

 

Briefing sobre a atividade de Paintball 

 

Equipa 1

 

Equipa 2

 

 

 

 

 

                                                     Briefing sobre a atividade de Paintball

Equipa Os Maiores            Equipa Os Irritantes

                          Equipa Mancha Negra

                                  Equipa Os Mochachos do Diogo                                         Equipa Os Mochachos da Mónica

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 15:44

Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2012

 

Os nossos participantes nestas oficinas de Natal 2012, fizeram coisas muito giras e muito ecológicas, pois tudo o que fizeram foi em materiais reutilizáveis! Vejam as fotos:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 16:42

Terça-feira, 27 de Novembro de 2012


Olá a todos

 

O Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem", em conjunto com a Autarquia de Alcanena, nomeadamente com os Sapadores Florestais da Câmara Municipal de Alcanena (SF11-16C), bem como os restantes parceiros (Centro Ciência Viva do Alviela - Carsoscópio, o Agrupamento de Escolas de Alcanena - 4 alunos do 9º ano da Escola Secundária de Alcanena e a prof. Verita d' Avó e 12 alunos do 5º ano da EB2 Dr. Anastácio Gonçalves) foram plantar árvores autóctones, nomeadamente sobreiros para a Quinta do Alviela, o qual agradecemos ao Sr. Alexandre Santos Lima a disponibilização do terreno para plantarmos as árvores.

 

Os alunos deram nomes às árvores: Viagem, Desenrascado, Plantinha, 5º C, etc... e fizeram uma "reza" para que ela crescesse forte e saudável! No total plantamos 17 sobreiros, que com as suas rezas irão crescer muito e daqui a 30, 40 anos já podem dar cortiça...

 

Esta iniciativa esteve inserida no "Alviela - o outro lado do rio" (Projeto Rios), e no evento Florestar Portugal da AMO Portugal - Associação Mãos à Obra Portugal.












publicado por Amigos da Vida Selvagem às 12:22

Quarta-feira, 17 de Outubro de 2012

Olá a todos
 
A Secção Aventura do Clube Bio-Ecológico "Amigos da Vida Selvagem", vem desta forma convidar-vos para fazerem um "Voo de batismo bilugar em Parapente", no dia 20 de Outubro de 2012, na Praia da Gralha*!
 
Aproveitem esta PROMOÇÃO!
Sócios com quotas em dia: 20 euros / Não sócios: 30 euros / 20 a 30 minutos
 
Venha disfrutar de um belo passeio de parapente!!!
 
Os instrutores são credenciados pela FPVL - Federação Portuguesa de Voo Livre
 
Para mais informações / Inscrições: amigosvidaselvagem@sapo.pt ou http://www.facebook.com/AmigosVidaSelvagem / telm: 916214298
 
 
* Nesta ou noutra praia, caso as condições climatéricas o permitam



publicado por Amigos da Vida Selvagem às 10:18

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2012

 

 

 

Amigos da Vida Selvagem convidam-no a descobrir o “Alviela – da serra à lezíria”, na Biologia no Verão
 

 

Olá a todos

O Clube Bio-Ecológico “Amigos da Vida Selvagem” fez mais uma vez, pelo 5º ano consecutivo a ação “Alviela – da serra à lezíria”, financiado pela Ciência Viva no Verão nos dias 25 de Agosto e 1 de Setembro de 2012.

Alviela… antes de mergulhares no Tejo, depois de saíres da serra, que maravilhas guardas? Foi com base nesta pergunta que fizemos o percurso deste rio, desde a sua Nascente (nos Olhos de Água de Alcanena) até à Foz (em Vale de Figueira). Pelo caminho foram abordados os aspectos geológicos, biológicos (fauna e flora), património cultural associado (azenhas, moinhos e aqueduto) e a relação do Homem com o rio (agricultura, industrias vs poluição).

Fizemos várias análises à qualidade da água do rio, e de um modo geral, esta foi piorando à medida que caminhamos para a foz, devido ao mau funcionamento da ETAR de Alcanena que recebe os resíduos das indústrias de curtumes, também devido aos aviários, às suiniculturas e às vacarias. Parámos ainda em vários moinhos de água, como a azenha da ponte da pedra, nas moagens Pitorro (que agora já não é um moinho), nos moinhos de água de Pernes (da ribeira de Pernes como lhe chamavam), visitámos as cascatas do Mouchão (que estavam secas) e até falamos de D. Afonso Henriques aquando da sua conquista de Santarém aos Mouros que deveu-se às escadas de madeira que fizeram em Pernes, falamos de Camões que namorava com uma linda donzela numa janela de um moinho Manuelino, e inevitavelmente tínhamos de falar no “Diabo”, Sr. Joaquim Jorge Duarte que muito lutou pelo Alviela…

Depois na foz, o Sr. José Gaspar e o seu irmão, Sr. Augusto, naturais de Vale de Figueira presentearam-nos com a sua sabedoria sobre a foz do Alviela, ou seja, sobre a Aldeia Avieira da Barreira da Bica, onde nos mostraram algumas fotografias daqueles belos tempos, umas “barracas” e uns barcos em miniatura. Não pudemos andar de barco (infelizmente) porque o rio não apresentava caudal suficiente.

Este ano tivemos cerca de 20 participantes nas duas saídas de campo e todos eles adoraram esta experiência única de se viver o Alviela por um dia…

 

P.S: Poderão ver mais fotos deste evento em: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.261780203871235.57481.100001177717339&type=3

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 17:17

Terça-feira, 24 de Julho de 2012

 

O Clube Bio-Ecológico “Amigos da Vida Selvagem” esteve presente, mais uma vez, no 4º Encontro Nacional do Projeto Rios, na Biblioteca Municipal Almeida Garret, no Porto, no passado dia 21 de Julho de 2012. Desta vez, só foi a nossa monitora e responsável pelo “Alviela – o outro lado do rio” (Projeto Rios), Patrícia Silva! Era para ir uma professora, mas por motivos de força maior, não pode ir…


O Clube participou neste encontro com desenhos dos meninos do JI do Bugalhos e da EB1 dos Filhós para o concurso de desenho: “Rios e Rabiscos”, do Projeto Rios, e também participou no concurso de fotografia: “Captar Rios”, com as 3 fotos vencedoras do concurso de fotografia: “Alviela – o outro lado do rio”, e ganhámos o 2º lugar na categoria B – outros grupos, com a foto de Nuno Petinga Silva – “União de semelhantes”, foto essa que ficou em 3º lugar no nosso concurso de fotografia: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.370254289690492.75738.100001177717339&type=3&l=c4b1bf171b


Participamos ainda com um poster intitulado “O Rio Alviela…” e com mais desenhos dos meninos da EB1 dos Filhós.


Para além disso, nós também participámos numa marcha pelos rios! Em defesa dos nossos rios, e claro está, em defesa do nosso rio… Alviela!!! Com uma pequena faixa, a dizer: “Pelo Rio Alviela…” E muita gente do Porto ouviu, bem alto a palavra Alviela…


Poderão ver mais fotos deste Encontro, no facebook do Projecto Rios em: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.363455350391454.76033.133403460063312&type=3 e também em: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.363752340361755.76126.133403460063312&type=3

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Amigos da Vida Selvagem às 12:01


mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Clt. comentC!rios
Obrigado e igualmente!
Bom dia!parabéns pelo vosso trabalho. Bem-vindos a...
Olá bom dia!As fotografias são para enviar em supo...
Boa noite,Qual são as dimensões das fotos que vamo...
O regulamento é bastante simples, e é o que está e...
Gostava que me enviassem o regulamento do concurso...
Contador
free counters
Relógio
subscrever feeds